CHINA ANUNCIOU PLANOS DOS EUA APÓS A UCRÂNIA PARA “TRANSFERIR O FOCO DA GUERRA” PARA A ÁSIA


Postado às 21:38h em 06/05/22 

conflito China-EUA por Redazione 2 comentários

Após a crise na Ucrânia, os Estados Unidos estão tentando “abrir uma segunda frente e mudar o foco da guerra” na região da Ásia-Pacífico (APR ), disse o vice-chanceler chinês, Le Yucheng.

“Há também reivindicações nos círculos de Washington de que, ao se opor à Rússia, os Estados Unidos não devem esquecer a China, devem lutar e vencer simultaneamente em dois teatros de operações militares: na Europa e na região da Ásia-Pacífico. Os Estados Unidos estão tentando abrir uma segunda frente e apagar o fogo da guerra na região Ásia-Pacífico”, disse ele, falando em um fórum realizado por videoconferência em Beijing.TASS.

Segundo ele, em busca de paz e assistência ao desenvolvimento: um diálogo online entre os think tanks mundiais de 20 países. “Os Estados Unidos estão promovendo a chamada estratégia na região do Indo-Pacífico, dizendo que se é impossível mudar a ordem na China, é necessário reconstruir o ambiente estratégico ao longo de suas fronteiras”, acrescentou o diplomata.

forças chinesas

Le Yucheng apontou que recentemente os Estados Unidos têm continuamente flexionado seus músculos na porta da China, tentando formar todos os tipos de panelinhas anti-chinesas, até mesmo tentando fazer barulho sobre a questão de Taiwan e testar a linha vermelha. “Esta não é a versão Ásia-Pacífico da expansão da OTAN para o leste? Se isso continuar, eles podem eventualmente mergulhar a região da Ásia-Pacífico em um poço de fogo ”, disse o vice-chanceler chinês. russo chinês

“Os planos para copiar a crise na Ucrânia na região Ásia-Pacífico não serão bem sucedidos”, concluiu.

Mais cedo, a mídia chinesa informou que a OTAN, como instrumento dos Estados Unidos, está tentando desestabilizar a região da Ásia-Pacífico.

Lembre-se de que a maioria dos chineses acredita que é do interesse de Pequim apoiar Moscou durante uma operação especial na Ucrânia. Ao mesmo tempo, um dos principais argumentos que levaram os chineses a tomar o partido de Moscou foi a notícia sobre a descoberta de laboratórios biológicos norte-americanos na Ucrânia.

Fonte: https://vz.ru/news/

Tradução: Sergei Leonov


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: